Conselho Municipal do Patrimônio Cultural COMPAT Mariana Minas Gerais

Zelando pela nossa História

INICIATIVAS DO CONSELHO MUNICIPAL DO PATRIMÔNIO CULTURAL DE MARIANA, MINAS GERAIS

Solenidade de lançamento das obras de restauro da Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos
Pretos de Mariana. financiado pelo PAC/Cidades Históricas.
Os Conselheiros do COMPAT em uma das reuniões em que se tratou do problema de Bento Rodrigues.
Visita de inspeção do COMPAT à Estação Ferroviária de Bandeirantes para aprovação de verba para a sua restauração. A obra está sendo concluída atualmente,

Os Conselheiros do COMPAT têm buscado o seu aprimoramento através dos anos para que sejam os seus deveres cumpridos com consciência e eficácia.

Do assíduo comparecimento às reuniões dos primeiros anos passaram eles ao estudo das leis patrimoniais, à participação em congressos e seminários voltados para o Patrimônio Histórico e Cultural, num aprendizado que. pela maior compreensão da natureza de suas atribuições, resultou na correta aplicação das verbas destinadas à Preservação, levando assim ao cumprimento pleno de sua função deliberativa e fiscalizadora.

Além da assistência constante ao acervo histórico e cultural tombado ou registrado em âmbito municipal e do financiamento de sua preservação, a partir de 2016 o COMPAT voltou a sua atenção aos monumentos que, aprovados pelo programa do PAC/Cidades Históricas, deixaram de ser por eles atendidos, prestando-lhes atendimento emergencial através dos recursos do Fundo do Patrimônio (FUMPAC).

Os trâmites e decisões decorrentes da tragédia das barragens da SAMARCO em novembro de 2015, que além da perda de vidas foi causa do desaparecimento de um dos sítios históricos de Mariana, têm sido acompanhadas atentamente pela Presidente Ana Cristina de Souza Maia, em colaboração com o setor responsável da Prefeitura Municipal.

 

Por suas ações meticulosamente calculadas através do tempo, o Conselho Municipal do Patrimônio Cultural de Mariana tornou-se imprescindível na defesa do precioso conjunto de monumentos e da tradição da região de Mariana, bem como está em seu lema: 

"ZELANDO PELA NOSSA HISTÓRIA".

  • w-facebook
  • Twitter Clean
  • w-flickr